Pular para o conteúdo
  • Mercado Imobiliário
  • Mercado imobiliário deve ficar estável ou até ter expansão em 2024

    Mercado imobiliário deve ficar estável ou até ter expansão em 2024
    Mesmo com todas as turbulências da economia brasileira, o desempenho do mercado imobiliário em 2023 foi considerado resiliente, segundo   o presidente do Secovi-SP, Ely Werthein. Werthein acredita que o setor deve ficar estável ou até ter um pequeno crescimento em 2024, na comparação com 2023. A medida vale tanto para a cidade de São Paulo, onde se concentra a maior parte dos lançamentos e vendas, como para o mercado nacional. Para que isso ocorra é necessário que o ambiente econômico se mantenha saudável no país, com juros em queda, inflação controlada, desemprego baixo e crescimento do Produto Interno Bruto, PIB, fatores que favorecem as vendas de moradias. Além disso, as novas regras do Minha Casa Minha Vida, MCMV, têm reaquecido o segmento popular, que deve liderar os lançamentos no ano que vem. O economista-chefe do Sindicato da Habitação , Secovi-SP, Celso Petrucci, também acredita que 2024 será muito parecido com 2023, talvez um pouco melhor. Para Petrucci não há nada neste momento que indique alguma piora nas atividades. Ele também acredita que, ao contrário dos anos anteriores, o país deve entrar em um novo ano com perspectiva melhor. Fonte: Revista Grandes Construções/Liveprint  

    Conteúdos relacionados